O bom da vida é sair por aí...Descobrir o mundo, descobrir as pessoas e as coisas...Sentir, olhar, experimentar... viver o que é bom e saber diferenciar...ampliar os horizontes sem ter medo de ousar!!!!

Por Camila Marinho

7 de novembro de 2007

Então é Natal.......

O mês mais aguardado no meu calendário é, sem dúvida alguma, o mês de dezembro. Além de fazer aniversário (26), tem o Natal, que eu simplesmente amo!!!

Quando novembro se aproxima, e as ruas e comércio se enfeitam para o Natal, logo me vem um sentimento de felicidade, de alegria e muito entusiasmo.

Adoro celebrar a data, especialmente ao lado da família. Acho que isso é que o mais me anima. Desde criança fui acostumada à grandes reuniões em família, tanto por parte de pai, quanto por parte de mãe.

Mas no ano passado, pela primeira vez passei o Natal longe. Eu estava de plantão na TV e só folgaria no Reveillón. Por isso, fiquei em Salvador.

Morar numa cidade distante de qualquer parente já é complicado. E passar datas festivas (como aniversários, dia das mães e dos pais, e natal) longe da família é pior ainda.... Principalmente para quem é muito ligado à família, como eu!

É claro que não foi a alegria de todos os anos, mas pelo menos recebi o carinho de amigos, o que aliviou um pouco.

Este ano estou na expectativa de estar ao lado da família. É uma espécie de contagem regressiva, uma mistura de ansiedade e alegria! Provalmente eu esteja de folga no Natal e vá para Belo Horizonte.

Enquanto isso, conto as horas em frente a vitrines decoradas, árvores de Natal, luzes e muitos enfeites. Aqui em casa ainda não decidi como vai ser a decoração, mas uma coisa é certa: vai ser simples! Afinal, se tudo der certo estarei longe de Salvador no Natal.
OBS.: a foto acima eu tirei no Shopping Piedade, em Salvador..

******
E por falar em família, ontem(6) fiz um docinho que me lembra infância, família e alegria! É o que a gente lá de casa chama de "beijinho". Mas não é aquele beijinho feito com leite condensado e coco ralado não....

Lá em Minas, muita gente chama de Beijinho o doce feito com leite ninho(leite em pó), açúcar e leite de coco.

Qual é o tradicional, o verdadeiro beijinho???? Não tenho certeza....
Mas na minha opinião é o feito com leite ninho...

Sempre amei este doce e vivia pedindo para minha mãe fazer. Quando ela não fazia, eu e Gustavo, meu irmão, íamos para a cozinha fazer o docinho que tanto amávamos.

Acontece que há muuuuuito tempo eu não comia este doce. Até que me apareceu um desejo repentino e lá fui eu matar a saudade da infância.

INGREDIENTES
- 1 lata de leite ninho
- 1 kg de açúcar refinado (mas não usa isso tudo não.... tira uma xícara e meia)
- 1 garrafinha de leite de coco (pequena).
É só misturar tudo e enrolar. Passe no açúcar refinado (ou confeiteiro) e por fim coloque um cravinho.

OBS 1: A massa fica mais dura, consistente!
OBS 2: Confesso que não segui a receita. Fui colocando aos poucos, até dar o "ponto" de enrolar.
OBS 3: Rende bastante. Portanto, se não quiser engordar faça meia lata (que também rende demais!).
OBS 4 (e última): O marido simplesmente amou!!!! Quando ofereci um, pensei que ele não fosse gostar. Por dois motivos: ele é um pouco "chato" para comer e também não é lá muito fã de leite ninho.... Mas não é que amoooou o doce???

E aí, está servido(a) também?

12 comentários:

Agdah disse...

Menina, eu sei exatamente o que é isso. Sofro todo ano, mas pelo menos, vc não tem que atravessar o Atlântico. Eu já tinha ouvido falar nesse docinho...

Laurinha disse...

Eu estou!
Já ouvi falar de docinhos com leite ninho, uma vez uma vizinha minha lá da chácara fez uns e até moldou/decorou/pintou bichinhos, mas minha filha que não comia nada nem deu bola pros ditos e eu esqueci de experimentar....
Beijinhos,

Marizé disse...

Camila, para mim Natal também é familia acima de tudo.

Compreendo bem o seu sentimento de estar longe, espero que se reuna à sua familia para celebrar as festas.

Os beijinhos eu vou experimentar, pois só conhecia os de côco e confesso que não sou muito fã, estes parecem-me bem mais do meu agrado.

Beijocas

risonha disse...

quem é que não gosta de beijinhos?
com beijinhos destes qualquer pessoa perde a cabeça. ficaram lindos.

Karla disse...

Camila,
esse beijinho é tudo de bom.
Bjs

Marcel Miwa & Nina Moori disse...

Sua receita é completamente diferente do beijinho de São Paulo!
Está anotada, apesar de não consumir leite em pó (tenho uma leve intolerância à lactose), sei que fará sucesso (entre a criançada e adultos tbm).
bjo,
Nina.

Dani Toré disse...

Adoro essa receita!!!
Acho mais saborosa do que a de beijinho original.
Hoje eu estava justamente pensando no Natal, nas comidas e no preparo.
Tá chegando...
Bjs mil, lindona.

inha disse...

adoro tudo no natal desde a escolha dos does a fazer a escolha do menu a escolha da toalha decoracao,tudo tudo....fico um tanto ou quanto melancolica mas adoro fazer tudo isto...

e esses beijinhos estao um "must"

beijinhos

Julia Valsecchi disse...

Ai que vontade , delicia delicia...
Vou terq ue fazer

Grande beijo

Nani do Paulo disse...

Você me oferece um? Sei que essa receita rende pois vivo fazendo, então eu quero muitos pois eu adoroooo!
Beijos!

laila disse...

ah o espirito de natal é uma dleicia memso...as festas...inesqueciveis...e é realemnte triste passar longe da familia..uma vez passei o ano novo e já achei chato q dira o natal...e esses seus beijinhos parecem ser uma loucura de bons!!!hummm maravilha!!!

Camila Marinho disse...

É Agdah, sua situação ainda é pior do que a minha. Com relação aos docinhos, são must mesmo!

Laurinha, você perdeu a chance de experimentar uma maravilha. Agora está convidada. bjos

Marizé, obrigada!!! Prove os docinhos e não irá se arrepender!

Risonha, realmente... Beijinhos fazem um bem danado, para qualquer pessoa!!! Estes então... hummmm

Karla, Nina e Júlia, esses beijinhos são realmente muito gostosos. O sabor surpreende!

Pois é Dani, o natal está chegando.... E minha felicidade só aumentando..bjos

Inha, espero que fique feliz neste Natal... Pense em coisas boas e no significado da data.... Muitos beijinhos pra você!

Nani, você como boa mineira pode comprovar o que digo. Este beijinho é tudo de bom! Sirva-se à vontade!

Laila, realmente. A data é muito família! Quanto aos beijinhos, são uma perdição. bjos