O bom da vida é sair por aí...Descobrir o mundo, descobrir as pessoas e as coisas...Sentir, olhar, experimentar... viver o que é bom e saber diferenciar...ampliar os horizontes sem ter medo de ousar!!!!

Por Camila Marinho

19 de março de 2010

Falando de gastronomia

Outro dia fiz um jantarzinho para amigos com direito a tudo: entrada, prato principal e sobremesa.

De entradinha fiz uns espetinhos de tomate cereja, mussarela de búfala e manjericão. Sem segredo! Eu tinha uns palitinhos com miçangas, então aproveitei para usá-los e dar um charme a mais na minha entradinha. Cortei os tomatinhos ao meio e também pedaços pequenos de mussarela de búfala. Temperei com sal, pimenta do reino e uma regada de azeite aromático de pimenta e cardamomo da Borges (ao lado).
Depois espetei em cada palito uma folha de manjericão, um pedaço de mussarela e "meia banda" de tomate na base.

Na boa??? Pode fazer que o sucesso é garantido!


O prato principal foi uma massa com alcachofrinhas.

Usei um penne tricolore. Fiz assim: fritei um pouco de alho no próprio azeite da alcachofrinha em conserva. Depois coloquei as alcachofrinhas cortadas em quatro. Acrescentei um pouco de caldo de legumes e deixei cozinhar um pouco. Quando o molho já tinha reduzido bem, acertei o sal, coloquei um pouquinho de pimenta e juntei ao penne. Por último acrescentei um pouco de provolone cortadinho. Na hora de servir, salpiquei manjericão, parmesão e crocante de presunto parma, este último muito simples de fazer.

Abre parênteses para o crocante...
(Forrei um tabuleiro com papel alumínio e coloquei o parma ali, levando ao forno em seguida. Depois de uma tostada no forno ele ficou crocante. Na hora de servir foi só quebrar com a própria mão!)
Fecha parênteses!

Retomando, o penne também ficou bem gostoso. Mas da próxima vez cortarei a alcachofrinha em apenas dois pedaços. E não usarei o provolone, já que é um queijo forte e que rouba o sabor da alcachofra.


De sobremesa, fiz uma mousse bicolor, de chocolate preto e branco, cujo prato não tirei foto.

E aproveitando que estou falando de sobremesa, outra dia fiz uma torta búlgara. Super comum em Salvador, ela parece um "bolo solado" de chocolate, e é servida com um cremezinho de leite. E muitíssimo saborosa!

A receita eu peguei do maravilhoso Rainhas do Lar. Deu e não deu certo.

Deixa eu explicar: a receita dizia que depois de todos os ingredientes, levaria cerca de 40 minutos no forno. A minha Torta Búlgura levou mais, bem mais, do que isso!

Comecei a fazer no sábado. Ficou cerca de uma hora e meia no forno. E continuou mole. Então desliguei o forno e retomei o processo no dia seguinte, esperançosa da minha torta gostosa. Ok, eu sei que é tudo ao contrário do que manda o figurino. Onde já se viu interromper o cozimento de uma torta??? Mas eu não só vi, como fiz isso!!!!

O processo continuou no domingo de manhã. Levou mais uma, uma hora e meia no forno. E chegou ao ponto quase certo. Eu deveria ter deixado um pouco menos. A consistência não foi a ideal. Ainda não descobri o que é que eu fiz de errado.

Pelo menos o sabor foi aprovado. Ficou divino!

5 comentários:

Anônimo disse...

Como você é metida. Mostrou a entrada só porque tem estes espetinhos bonitos. Se fosse palito comum não teria postado no blog. Gente fina é outra coisa. Olhe para mim: jamais poderia colocar fotos das minhas gororobas. Você e Gustavo são demais na cozinha. Parabéns. Amo você e tenho muito orgulho de você. Mamys

Karla Maria disse...

Camila,
tb fiz a torta búlgara, mas não confiei no "bater os ovos com uma colher de pau até ficar branco" e iniciei o processo batendo os ovos na batedeira por 10 minutos, ficaram bem fofos, reservei na geladeira até a hora de misturar à massa, muito levemente. Aqui ficou 1 hora no forno.
Bjs

Tuza disse...

Hummmmmmmm...
Esse seu post me deixou com água na boca...rs
Bjs!

Sheila disse...

Não nos conhecemos pessoalmente e queria apenas deixar registrado que gosto muito do seu blog e das suas receitinhas, fico com a maior inveja(branca...rs) dos seus dotes culinários!
Tudo de bom para vc e sua família,
bjs

Jaynne disse...

Gente... que menina gastronomicamente prendada! Acho que vou aí experimentar tudo... Ahhhh sonhei com vc essa noite todaaaa... depois te conto... bjus