O bom da vida é sair por aí...Descobrir o mundo, descobrir as pessoas e as coisas...Sentir, olhar, experimentar... viver o que é bom e saber diferenciar...ampliar os horizontes sem ter medo de ousar!!!!

Por Camila Marinho

1 de maio de 2008

Polêmica na Bahia... ((e outras "coisitas" mais))

A declaração do coordenador do curso de medicina da Universidade Federal da Bahia deu o que falar no Brasil inteiro. Questionado sobre qual teria sido a razão para a baixa nota dos alunos de medicina no Enade, Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes, ele soltou o verbo.

Entre outras coisas, disse que a razão era o "baixo QI dos estudantes baianos". Não menos satisfeito, acrescentou: "O baiano toca berimbau porque só tem uma corda, se tivesse mais, não conseguiria" .

Em tempos de liberdade de expressão, cada um pode dizer o que quiser. Mas um coordenador de curso abrir a boca para dizer uma coisa dessas em um jornal de circulação nacional já é demais!!! Ah, vale ressaltar que o homem é baiano.

Para conferir a reportagem, clique aqui, no site do Jornal da Globo.

******

Ultimamente tenho trabalhado mais à noite, o que me impede de chegar em casa e ainda preparar uma janta gostosa. Ontem, decidi abrir uma exceção e fiz uma massa maravilhosa. Massa que, por sinal, o marido não cansou de elogiar (logo ele, chato para comer!).

Foi uma receitinha que inventei de última hora, com o que tinha na geladeira. Acabou ficando chique e saborosíssima: Conchiglione ao queijo brie e presunto de parma.

Primeiros passos:
Cozinhei os conchigliones até que ficassem "al dente". Depois, coloquei dentro de cada "concha", um pedacinho de queijo brie, um pedacinho de presunto de parma e uma folhinha de manjericão. Exatamente como nas fotos ao lado. Ah, no fundo da travessa joguei uns dois fios de azeite só para dar aquele gostinho e não deixar grudar a massa...

Depois de cada "concha" recheada e disposta na travessa, coloquei um pouquinho de molho de tomate pelado por cima (sem tempero algum, porque o presunto já é bem salgado)... Salpiquei queijo parmesão (ralado no ralo grosso) e levei ao forno até que os queijos derretessem. Quando tirei do forno ainda coloquei mais umas folhinhas de manjericão.
Pronto! Sem segredo!



******

Só um comentário feliz: o Galo venceu o Náutico por um a zero ontem, no Mineirão, em Belo Horizonte, e se classificou para as quartas-de-final da Copa do Brasil. O próximo adversário é o Botafogo. Coincidentemente, o mesmo do ano passado, que acabou eliminando o Galo depois de um erro do árbitro Carlos Eugênio Simon. Este ano será diferente!!!!

Outro comentário feliz: A derrota do Cruzeiro por 2x1 para o Boca Juniors, no Estádio La Bombonera, na Argentina, pelas oitavas-de-final da Libertadores. Ainda tem a partida de volta, no Mineirão, quando o time azul celeste precisa de uma vitória simples. Mesmo assim é gostoso ver o Cruzeiro perder!

7 comentários:

Bel disse...

Eu vi a reportagem ontem, te vi sentadinha, escondidinha...
E até pensei em comentar sobre isso, mas me deu tanta raiva que desisti.
Quem sabe, de cabeça fria eu não consiga escrever e matar o sacana? (sorry!)

Beijoooo

Laurinha disse...

A massa deve ter ficado deliciosa!!!
Beijinhos,

Favuca disse...

Realmente dizer que baiano tem baixo QI é um absurdo. Taí o pessoal de Medicina da UESC pra rebater. O curso de comunicação também não fica pra trás. Esses acadêmicos precisam deixar a a vaidade de lado e começar a assumir suas falhas.

Camila Marinho disse...

Bel, este tipo de coisa a gente releva. O cara é um idiota. E quer saber da última? Renunciou hoje ao cargo. Mandou uma carta deprimente para a imprensa pedindo desculpas e dizendo não ser racista e preconceituoso!!!! Depois que fez a "m..." quis limpar!!! Mas já se borrou todo!!! Bjos

Laurinha,
Ficou fabulosa essa massa!!! Um beijo enorme!

Luciana Macêdo disse...

Adorei o recheio desta massa, copiei para experimentar.
Bjs!

Bete disse...

Isso é coisa de quem não tem nada a dizer.Agora a receita ficou o must, muito chique.
Bjs!

Camila Marinho disse...

Luciana, pode fazer porque não vai se arrepender. Bjos

Bete, a receita é realmente must! Bjos