O bom da vida é sair por aí...Descobrir o mundo, descobrir as pessoas e as coisas...Sentir, olhar, experimentar... viver o que é bom e saber diferenciar...ampliar os horizontes sem ter medo de ousar!!!!

Por Camila Marinho

18 de junho de 2010

Quando falta bom senso...

Minha irmã precisava fazer uma pequena cirurgia e ligou para a médica, mas foi atendida pela secretária.

- Fulana, tudo bem? É a Priscila. É sobre a cirurgia com Dra. Fulana de tal. É que eu não vou poder fazer a cirurgia no sábado.
- Dra Fulana tá atendendo agora. Mas já vou te passar o número da conta para você fazer o depósito.
- Não, você não entendeu. Eu não vou fazer a cirurgia no sábado. Por isso não vou depositar.
- É que a doutora precisa comprar os instrumentos. (Parênteses para uma observação: a doutora é rica)
- Fulana, eu já disse que eu não vou depositar. Prefiro conversar com Dra. Fulana antes. Tchau.

Poucos minutos depois o telefone da minha irmã toca.

- Oi Priscila. É a secretária da Dra. Fulana. Conversei com a doutora e ela vai marcar a cirurgia para segunda-feira. Então vou te passar a conta para você fazer o depósito.
- Segunda-feira eu também não posso. Já disse que prefiro conversar com a doutora antes.
- Tá, mas vc pode depositar o dinheiro?
- Fulana, eu não posso falar agora. Tô trabalhando. E já disse que não vou depositar sem antes falar com a médica. Tchau
.

O telefone da minha irmã continuou tocando. Foram cinco chamadas não atendidas em um intervalo pequeno da tarde. Já nervosa com o telefone vibrando no bolso, minha irmã resolveu atender.

- Fulana, o que foi? Eu estou trabalhando.
- É rapidinho. Só para te passar o número da conta para você fazer o depósito.
- Fulana, tô ficando nervosa. Tchau.

Genteeeeeee!! Quando minha irmã contou eu não acreditei! Cadê o bom senso dessa mulher???

******
Outra...

Minha mãe recebeu um convite de um casamento "chiquetérrimo". Junto do convite formal, vieram os convitinhos da festa super badalada.

A mãe do noivo, que foi pessoalmente entregar, disse que o meu convitinho e o do maridão também estavam junto. Mas quando soube que eu não iria, falou pra minha irmã dessa forma:

- Ô Priscila, eu acho que eu esqueci de colocar o convitinho do seu namorado. Faz o seguinte. Pega um, que seria o da Camila, e me devolve o outro.

Nem sei se minha irmã devolveu o outro. Mas que coisa mais ridícula! Se fosse eu, não devolveria. E ainda chamava uma amiga pra ir no lugar do convite que estava sobrando.

Tem gente que esquece o bom senso (e a educação) em casa. Tá vendo que nem todo rico é fino???

*******
Lembram da touquinha do "Seu Boneco", que já falei aqui e aqui??

Pois é.... Outro dia vi uma menina, com um corpão de violão, andando na praia com uma touca de seu boneco na cabeça. Todos os homens olhavam pra ela. E não era por causa da touquinha não...Era por causa do biquíni enfiado no rêgo.

Tá vendo que o amor não vai deixar de existir por causa da toquinha que você usar na frente do seu marido??

Aproveitando o embalo, o vídeo com o passo-a-passo de como usar a touquinha pro cabelo ficar lisinho, lisinho... Vejam abaixo!
video

5 comentários:

Suzana disse...

kkk camila, so vc mesmo pra postar o video da toquinha!!! E o mais engraçado que quem ficou com vergonha foi o marcones...hauhauahu!!!
bjus

Jornal Do Marcus disse...

Em relação ao primeiro assunto do post, faria o mesmo que a Priscila fez: deixaria meu telefone tocar o número de vezes que a secretária me ligasse.
Já em relação ao segundo, achei engraçado o vídeo, principalmente pelo fato do Marcones ter ficado vermelho!

Giovana disse...

Muito bom esse vídeo!

Eu não conhecia essa tal de toquinha do seo Boneco... hehe
Vou experimentar, claro!!

Beijokas,

Gi & Lucca

Andreza disse...

Nossa essa da touquinha é ótima!! minha mãe sempre usou, mais eu nunca... meu cabelo é comprido e acho que não vai dar p/ fazer!!! agora essa secretária dessa médica, se eu fosse a sua irmã, já tera mandado ela para aquele lugar, educadamente...rsrs
Beijossssssss

Arte&Reciclagem, ReceitasSaúde e ReciclagemdasLetras disse...

Adorei seus comentários. Davam uma peça de "Os Normais". Bjão